O que é a HIV/AIDS? Causa, Sintomas & Sinais.

O que é HIV?

HIV é a sigla em inglês do vírus da imunodeficiência humana. Causador da AIDS, ataca o sistema imunológico, responsável por defender o organismo de doenças. As células mais atingidas são os linfócitos T CD4+. E é alterando o DNA dessa célula que o HIV faz cópias de si mesmo. Depois de se multiplicar, rompe os linfócitos em busca de outros para continuar a infecção.

Ter o HIV não é a mesma coisa que ter a AIDS. Há muitos soropositivos que vivem anos sem apresentar sintomas e sem desenvolver a doença. Mas, podem transmitir o vírus a outros pelas relações sexuais desprotegidas, pelo compartilhamento seringas contaminadas ou de mãe para filho durante a gravidez e a amamentação. Por isso, é sempre importante fazer o teste e se proteger em todas as situações.

Biologia – HIV é um retrovírus, classificado na subfamília dos Lentiviridae. Esses vírus compartilham algumas propriedades comuns: período de incubação prolongado antes do surgimento dos sintomas da doença, infecção das células do sangue e do sistema nervoso e supressão do sistema imune.

O que é AIDS?

A AIDS é o estágio mais avançado da doença que ataca o sistema imunológico. A Síndrome da Imunodeficiência Adquirida, como também é chamada, é causada pelo HIV. Como esse vírus ataca as células de defesa do nosso corpo, o organismo fica mais vulnerável a diversas doenças, de um simples resfriado a infecções mais graves como tuberculose ou câncer. O próprio tratamento dessas doenças fica prejudicado.
Há alguns anos, receber o diagnóstico de aids era uma sentença de morte. Mas, hoje em dia, é possível ser soropositivo e viver com qualidade de vida. Basta tomar os medicamentos indicados e seguir corretamente as recomendações médicas.
Saber precocemente da doença é fundamental para aumentar ainda mais a sobrevida da pessoa. Por isso, o Ministério da Saúde recomenda fazer o teste sempre que passar por alguma situação de risco e usar sempre o preservativo.

CAUSA

A AIDS é causada pelo vírus HIV (Vírus da Imunodeficiência Humana), capaz de destruir as células responsáveis pela defesa do organismo (anticorpos).
HIV significa Vírus da Imunodeficiência Humana. Por síndrome entende-se um conjunto de sinais e sintomas de uma doença. Imunodeficiência é o enfraquecimento do sistema imunológico, responsável pela defesa do corpo contra as infecções e doenças em geral. Assim, o organismo de uma pessoa atingida pelos vírus HIV-1 ou HIV-2, pode se tornar mais frágil diante de certos micróbios, como bactérias e vírus.

TRANSMISSÃO

O HIV é transmitido principalmente através das secreções de uma pessoa infectada para uma pessoa sadia, quando ocorre o contato da pele com fluidos corporais (sangue, sêmen, secreção pré-seminal, secreção vaginal e leite materno).

SINAIS DA AIDS

Emagrecimento rápido, com perda de mais de 10% do peso corporal;
Diarréia prolongada (por mais de 1 mês);
Febre persistente (por mais de 1 mês);
Tosse seca, sem motivo aparente;
Suores noturnos, cansaço;
Candidíase (sapinho) persistente – na boca ou na genitália;
Manchas avermelhadas pelo corpo.
O tempo para um soropositivo apresentar sintomas varia muito: não existe qualquer prazo definido. A maioria passa mais de dez anos sem nada e alguns podem até nunca desenvolver Aids, mesmo estando infectados pelo HIV.

SINTOMAS DA AIDS

Trata-se de sintomas que aparecem logo depois da transmissão do vírus.
Acontece em 50% a 90% dos pacientes, sendo que alguns sintomas podem ser confundidos com uma simples gripe: febre alta, dores musculares e articulares, gânglios, dor de garganta, vermelhidão no corpo e perda de peso figuram entre eles. Tendem a desaparecer espontaneamente após aproximadamente 14 dias.
Apesar de não se dispor de dados científicos comprovados, estima-se que uma pessoa recém-infectada seja potencialmente transmissora do HIV dentro de 2 a 4 dias após contrair o vírus. O HIV consegue enfraquecer o organismo da pessoa infectada atacando certos linfócitos, os defensores naturais do corpo.
Não se pode dizer que existam sintomas diretamente relacionados ao vírus da Aids. Na verdade, devem-se às chamadas doenças oportunistas, aquelas que se aproveitam do enfraquecimento do organismo para se instalarem, como tuberculose, pneumonia, sarcoma de Kaposi etc.

FATORES DE RISCO

  • Relações sexuais sem camisinha (através do contato com esperma e secreções vaginais contaminadas);
  • Compartilhamento de seringas e agulhas, ao usar drogas injetáveis;
  • Transfusão de sangue contaminado;
  • Mãe contaminada para o filho: durante a gestação, no parto ou pelo aleitamento materno;
  • Instrumentos não-esterilizados empregados em procedimentos invasivos (que penetram no corpo), como alicates de unhas, agulhas para tatuagens ou acupuntura, lâminas de barbear etc.

Entenda a diferença entre AIDS e HIV clicando aqui.


algumas das informações contidas neste post foram retiradas da página Aids/HIV no facebook, eles fazem um trabalho lindo de conscientização e divulgação, vale muito a pena conferir!

Autor do Post Jeff

Eu sou o Jeff! Muito prazer! Sou soropositivo há 15 anos. Levou bastante tempo até eu aceitar essa minha nova condição e realidade, e depois de alguns percalços da vida eu levo uma vida boa e feliz! Criei esse blog para tentar te mostrar, que a vida é muito maior do que um mísero vírus e que não podemos fazer nossa vida girar em torno disso.

25 Comentários em “O que é a HIV/AIDS? Causa, Sintomas & Sinais.

    Naty ( 02/05/2016 - 7:20 PM )

    Olá! Meu primo de 23 anos contraiu hiv há cerca de 3 anos, fomos descobrir essa semana após ser internado com um nódulo no pescoço, magreza excessiva, fadiga, suor constante e febre a todo momento. Ele está internado hoje em estado grave, mas estavel, a boca ficou torta mas já está voltando ao normal, perdeu o movimento do lado esquerdo devido a toxoplasmose, e ontem ele teve uma convulsão assustadora, foi levado ao cti, e na santa casa estavam dando dipirona que estava abaixando demais a pressão dele que chegou a 8. O médico disse que o estado dele já está bem avançado que agora é AIDS, e ele não nos deu muita esperança, apesar de ainda termos muita. Ele estava fazendo uso de 2 bactrim, e nistatina, antes da convulsão ele recedeu 2 novos remédios para o tratamento da AIDS, que não estava sendo usado antes por estar muito fraco. E agora a tarde foi incluido mais 3 remedios para tratar da aids. Gostaria de saber se haverá esperança, se vc passou por isso ou viu algo parecido ?

      Viver com HIV ( 02/05/2016 - 7:32 PM )

      Olá Naty!

      Nossa eu lamento muito pelo teu primo! Mas saiba que sempre há uma esperança! Eu quase morri e também tive o lado do corpo paralisado, mas por conta de uma outra enfermidade. Tu pode ler essa história aqui (http://vivercomhiv.com.br/2014/02/02/e-o-pesadelo-comeca/). Hoje, graças a Deus estou bem! Mas não percam a esperança e a fé! Tudo é possível! Uma energia positiva faz milagres! Acredite! Vou ficar torcendo pelo teu primo, ele há de sair dessa!

      Um abraço

        Naty ( 02/05/2016 - 7:59 PM )

        Nossa muito obrigada por indicar esse depoimento. Me deu uma grande esperança. Tenho fé que tudo voltará ao normal pra você e para meu primo. Isso é só o começo da batalha dele, mas tenho fé que vamos vencer, assim como vc!

          Viver com HIV ( 02/05/2016 - 8:04 PM )

          Tudo vai dar certo sim! Tenha fé e ele há de ficar bem!

          Um abraço!

    Leonardo ( 02/04/2016 - 3:56 PM )

    Olá Boa tarde! No final de 2009 tive um comportamento de risco e depois desse risco fiz 4 testes para HIV. O primeiro foi Jan/2011 (Elisa), o segundo foi em Jan/2012 (Elisa), o terceiro foi em Set/2015 (Elisa) e o quarto foi em Nov/2015 (Teste rápido – CTA), e todos deram NEGATIVO. Meus glânglios (na região do pescoço) aumentaram em Julho de 2015, aliás até hoje não voltaram ao normal, e por conta disso, fiz esses dois últimos exames em 2015 após o aumento dos Glânglios, pois o HIV causa o aumento dos Glánglios linfáticos, aliás, é um dos sintomas. Meu único comportamento de risco foi esse de 2009 mesmo. Posso ficar tranquilo quanto o resultado desses exames? Parabéns pelo BLOG.Fica com Deus!!

      Viver com HIV ( 02/04/2016 - 6:29 PM )

      Olá Leonardo!

      Se tu já fez esse monte de testes e deu negativo para HIV é por que tu não tem HIV, mas os gânglios inchados pode ser sintoma de outra coisa, sugiro que tu procure um médico para investigar isso.

      Um abraço e boa sorte

    Rogério ( 29/03/2016 - 3:21 AM )

    Olá boa noite , gostei muito do seu blog . Então , coloquei um piercing tem duas semanas , e com 5 dias , tive muita dor no corpo , febre nos dois primeiros dias , diarreia nos dois primeiros dias , agora estou somente com a dor no corpo e nos músculos , e apareceu uma ingua proximo ao meu ouvido , estou desesperado , pois sou proibido de pegar essa doença , por conta que tenho um irmão deficiente por conta de uma eplepsia rara , sendo dependente químico , e querendo ou não há o risco de eu passar para ele , pois eu cuido dele junto com meus pais , e ele toma muitos remédios . Estou desesperado , tenho transtorno da ansiedade , não consigo dormir . E querendo ou não , esta doença querendo ou não debilita a pessoa infelizmente , mesmo com o ótimo tratamento aqui no brasil . Enfim estou com muito medo , já pensei até em me matar , você teve essa fase aguda , quantos dias após o risco ela ocorreu ? Tenho muitas dúvidas , mas infelizmente só fazendo o teste daki 45 dias pra eu saber se o resultado. Ah , e obrigado pelo seu blog , ele ajuda muita gente !

      Viver com HIV ( 29/03/2016 - 4:13 AM )

      Olá Rogério,

      Em primeiro lugar, procura ficar calmo. Não fica nervoso por algo que ainda não aconteceu, e pode vir a nem acontecer. mas que teste é esse que só fica pronto daqui a 45 dias? Procura um posto de saúde do teu bairro ou um CTA e faz o teste rápido, o resultado sai em até 45 minutos e é bem confiável. Faz o teste e tu vai ver que tava sofrendo à toa. Faz o teste e depois vem aqui me contar o resultado ok??

      Um abraço

    Renato p ( 25/02/2016 - 3:44 PM )

    Pulei um pedaço sem querer ! Relendo aqui vi que tinha cortado sem querer !

    Admiro sua força e o seu carinho com cada leitor!
    Lendo cada artigo seu eu me sóbria cada vez mais seu amigo ! Você é carinhoso e atencioso em cada resposta, sempre educado e prestativo !
    PARABÉNS ! Sucesso na sua jornada !

      Viver com HIV ( 25/02/2016 - 3:51 PM )

      Olá Renato!

      Nossa! Muito obrigado pelas palavras! De verdade, muito obrigado, apenas tento todos se sentirem acolhidos no meu blog, sei como é difícil estar passando por isso, e tudo o que eu puder fazer para tentar aliviar um pouco esse peso, com certeza eu farei.

      Um abraço
      Jeff

    Renato p ( 19/02/2016 - 9:09 AM )

    Olá bom dia

    Estou com candidiase a 4 meses não a oque tira isso, já tomei fluconazol, passei pomada fungirox etc etc,
    Como todos os sites e blogs ligam a Cândida ao hiv estou muito assustado.
    Fazem 4 meses que vivo esse pesadelo do medo da doença, a uns dias meus cabelos começaram a cair, talvez seja o estress de achar que estou infectado, não sei !

    Hoje resolvi ter coragem e irei fazer o teste rápido! Eu doei sangue a 5 meses pois não tinha nenhum sinal da doença e se eu tive comportamento de risco foi a muitos anos…e até agora não veio nenhuma carta para eu retornar lá !

    Minhas dúvidas são !

    1É possível após eu ter doado sangue minha imunidade ter caído e causado a Cândida ?

    2É possível só a Cândida ser evidência do hiv ? Sem gripes, febre, diarreia etc?

    Aguardo uma resposta, obrigado !
    Hoje após o teste eu relato aqui o resultado !
    Abraço

      Viver com HIV ( 24/02/2016 - 11:13 AM )

      Oi Renato P,

      Infelizmente não sei como tratar a candidíase, minha sugestão é que você procure um médico! E quanto a ser uma evidência de ser HIV! sinceramente não sei te precisar, mas na dúvida, você deveria fazer o exame. O resultado sai em até 45 minutos dependendo do local que tu faça.

      Um abraço

        Renato p ( 25/02/2016 - 9:22 AM )

        Olá, obrigado pela sua resposta.

        Eu fui ao médico e pedi um hemograma completo e sorologia para hiv e todas dst.

        Meus resultados saíram e deram todos não reagente.

        Gostaria de deixar um comentário da minha experiência e minha visão sobre tudo isso que vivi esses dias!

        Mudei completamente minha visão sobre algumas coisas da vida, família, amigos e atitudes pelo simples fato de achar que estava infectado, seu blog me ajudou, me confortou e me fez enxergar algumas coisas com outros olhos!

        Amigo blogueiro, você deve fazer um bem enorme a muitas pessoas! Parabéns e obrigado!
        Espero que você seja muito feliz e que Deus te proteja e te dê muita força ! Um forte abraço !

          Viver com HIV ( 25/02/2016 - 1:06 PM )

          Olá Renato p!

          Que boa noticia que seus exames deram todos negativos! Parabéns! Fico muito feliz que meu blog e ajudou de alguma forma, conta sempre comigo! E muito obrigado pelas belas palavras!

          Um abraço

          Jeff

      IGOR ( 26/05/2017 - 5:44 PM )

      O primeiro sinal que me apareceu foi a candidiase oral… Fiquei mais de um ano convivendo com ela… foi o primeiro sintoma depois que contrai o vírus .

      Pesquisando você verá que a candidiase é o sintoma mais comum de Hiv…

    Pedro ( 25/01/2016 - 7:32 PM )

    Olá estou com candida persistente isso é começo de hiv

      Viver com HIV ( 26/01/2016 - 7:02 PM )

      Desculpe mas não entendi, isso foi uma pergunta ou afirmação???

    márjore ( 21/01/2016 - 9:14 PM )

    Olá! Tenho uma dúvida. Quando o indivíduo se descobre portador do vírus HIV, algo pode ser feito pra evitar ou adiar o desenvolvimento da AIDS?

      Viver com HIV ( 22/01/2016 - 12:32 PM )

      Olá Márjore!!

      Obrigado pelo seu contato, quando a pessoa descobre que é portadora do vírus, essa pessoa deve, o quanto antes, procurar um infectologista, para que seja iniciado o tratamento com antirretrovirais para evitar o desenvolvimento da AIDS. Só o tratamento pode aumentar efetivamente o teu CD4, prevenindo assim o desenvolvimento da AIDS.

      Um abraço

    Victor ( 18/10/2015 - 6:41 AM )

    Amigo blogueiro, fiquei em dúvida com algo: Sinais da AIDS e Sintomas da AIDS?!
    Ou seria sinais da infecção pelo HIV?!
    Esses sintomas são de logo q ocorre a.infecção pelo vírus, cerca de algumas semanas depois, certo?!Pelo menos foram estes os sintomas q eu tive…
    “Febre alta, dores musculares e articulares, gânglios, dor de garganta, vermelhidão no corpo e perda de peso”

    Abraço!!!

      vivercomHIV ( 18/10/2015 - 7:05 PM )

      Olá Victor!

      Esses sintomas podem aparecer tanto no início da infecção pelo HIV, quanto na fase mais avançada da AIDS. Sei disso pq tive esses sintomas nas duas fases!

      Abração

        Victor ( 18/10/2015 - 7:45 PM )

        Ok, amigo…
        Então, só pelos sintomas não dá pra saber se a pessoa é apenas portadora do vírus ou já tem a AIDS propriamente dita, não?!
        Sobretudo, então, fica difícil de precisar o tempo de infecção, se é antiga ou recente.
        Confuso, isso…enfim
        O importante é se aceitar, se perdoar e ser efetivo na adesão ao tratamento, que qto antes iniciado, melhor para os soro+.
        É possivel viver e conviver com HIV, não é o fim do mundo, nem da vida de ngm, desde q se siga as recomendações médicas especializadas, mas é mto melhor viver sem esse vírus.
        Por isso, a prevenção é imprescindível.
        .abraço.

          vivercomHIV ( 18/10/2015 - 8:03 PM )

          Olá Victor!

          Só com os sintomas realmente não tem como muito saber, o que te dá a certeza mesmo são exames de CD4 e carga! é confuso mesmo! Mas não sou eu que faz as regras! 😀

          Concordo contigo! O Importante é se aceitar e se perdoar, e, seguir o tratamento indicado pelo médico!

          Abraço

        Walnercherilus ( 01/04/2016 - 9:31 PM )

        Boa noite uma pessoa que tem 56 anos consegui passá pra outra pessoa tbm.

          Viver com HIV ( 02/04/2016 - 6:30 PM )

          Olá!!

          Uma pessoa pode passar o vírus pra outra independente da idade.

          Um abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *