Nóia!

Hoje vou falar de um assunto, de uma coisa que todos nós, principalmente os soropositivos já tivemos, ou ainda temos! A paranoia, vulgarmente conhecida por nóia!!

A nóia pode ser por qualquer coisa, seja por quais efeitos os anti-retrovirais vão te dar, seja se vai ficar muito magro com cara de doente, agora que você se descobriu soropositivo, seja por achar que sua vida acabou e seus sonhos e ambições morreram agora que você é soropositivo.

É normal termos nóias, todos temos! Uma que outra! Mas não podemos permitir que isso tome conta da sua vida. Conviver com o HIV  realmente não é nada fácil, muita coisa muda na sua vida. Sou completamente à favor de se informar à respeito o máximo possível sobre a doença, seu tratamento e seus avanços em busca da cura. Mas, não faça a sua vida girar em torno do HIV.

Vou contar a história de um amigo, que gosto muito (mas às vezes tenho vontade de dar um puxão de orelhas nele), conheci ele aqui no blog e o nome dele não vem não vem ao caso! 😀

Ele se descobriu soropositivo e achava  que sua vida tinha acabado e que não poderia mais sonhar, namorar e ter relações sexuais. Cada dia ele tinha uma nóia diferente. Primeiro ele achou que não ia poder fazer mais nada na vida agora que é soropositivo. Como se isso fosse impeditivo para alguma coisa, achou que seus sonhos e ambições foram despedaçados. Depois de muita conversa e muitos “puxões de orelha” eu fiz ele ver (acho que fiz), que a vida não acaba por que se é soropositivo.  Sim, o preconceito e a desinformação das pessoas é muito grande, mas ninguém espera que você saia correndo e publique sua sorologia no facebook.

Viva um dia de cada vez!!

Depois ele entrou em uma noia que as pessoas iam achar ele magro e com cara de doente, que iriam perceber que é soropositivo. Eu dizia pra ele que não podemos ficar preocupados com o que os outros pensam à nosso respeito, temos que ficar em paz consigo mesmo e não se importar tanto com a opinião alheia, não há como saber o que uma pessoa está pensando. Até hoje, não conheci ninguém com o poder de ler mentes. Não quer parecer magro diante as pessoas? Exercite-se! Alimente-se bem! Faça a sua parte!

Quando se está bem consigo mesmo, quando se está equilibrado, as coisas fluem mais facilmente!

Depois veio a noia dos remédios, será que vou ter efeitos colaterais fortes? Será que vou ter lipodistrofia e parecer magro para as pessoas?? Não há como saber quais os efeitos que os anti-retrovirais vão te dar especificamente, não fique sofrendo por antecedência imaginado o que poderia acontecer de ruim à você. Deixe para se preocupar quando as coisas acontecerem de fato, se acontecerem! Pra tudo tem um jeito, um dos efeitos colaterais que tive com os remédios foi a diarreia, e quando isso aconteceu, conversei com meu médico à respeito e ele me deu um remédio para controlar a diarreia. Pra tudo dá-se um jeito! Basta querer e acreditar!

O pior sofrimento é sofrer por algo que ainda nem aconteceu!!

Hoje esse meu amigo, já iniciou com a medicação e ele, não apresentou nenhum efeito colateral, ou seja, sofreu à toa por uma coisa sequer aconteceu. Só teve cabelos brancos com esse stress à toa. Volta e meia ele tem recaídas com noias! Se ele não morasse tão longe eu ia mesmo dar uns “puxões de orelha” nele. Mas agora as noias amenizaram e ele tá tocando a vida da melhor maneira possível, tenho muito orgulho desse meu amigo por estar no caminho certo, por estar fazendo a parte dele!

Enfim, contei toda essa história para tentar te mostrar que é normal termos noias, mas não viva em função delas, não se sinta menor ou impotente por que é soropositivo.

Não deixe que o HIV seja o centro da sua vida!

Você deve estar atento sim, mas se tiver que se preocupar, preocupe-se com coisas palpáveis, com coisas que estão acontecendo agora, não com coisas ruins que possam vir acontecer com você ou não. Faça sua parte! Deixe o seu médico fazer a dele, confie no seu médico! Procure ser feliz da melhor maneira possível, ame a si mesmo! Faça coisas que te dão prazer! Viva intensamente!

O limite da sua vida é você que impõe!!

Fazendo isso, você vai ver que fica um pouco mais fácil conviver com o HIV, muita gente vai me xingar, dizendo que eu falando parece fácil conviver com ele! Não! Não é fácil mesmo! Sei disso! Tenho a consciência de uma notícia dessas abala o psicológico de qualquer um. Mas também não podemos deixar nossa vida na espera (a espera de uma cura). Temos que fazer nossa parte e encarar isso como apenas mais uma barreira que vamos ter que enfrentar! A vida é uma só e é pra ser vivida!

 É preciso aceitar as coisas que não podemos mudar!!

Autor do Post Jeff

Eu sou o Jeff! Muito prazer! Sou soropositivo há 15 anos. Levou bastante tempo até eu aceitar essa minha nova condição e realidade, e depois de alguns percalços da vida eu levo uma vida boa e feliz! Criei esse blog para tentar te mostrar, que a vida é muito maior do que um mísero vírus e que não podemos fazer nossa vida girar em torno disso.

56 Comentários em “Nóia!

    Felipe interior sp ( 17/04/2017 - 1:49 PM )

    Boa tarde. Td bem com vocês!? Preciso de ajuda. Recebi de fato meu diagnóstico positivo para hiv e valores de Cd4 e carga viral. A médica em que eu estou indo (segunda vez) é pouco comunicativa, falou que o restante dos meus exames estavam bons. Disse que a cd4 estava em 560 e carga viral 6.777 etc. Apenas perguntou se eu gostaria de começar a tomar os remédios agora ou se eu queria deixar mais pra frente, acabei aceitando pra começar agora. No entanto ela não específicou nada sobre a minha condição. Gostaria de saber se essas taxas viral e cd4 estão dentro de uma certa normalidade ou já devo me preocupar. Obrigado queridos. Força pra nós!

    Bruna ( 10/04/2017 - 10:52 AM )

    Felipe.
    Nossa estranho isso de não ter tido relação de risco.

      Felipe interior sp ( 10/04/2017 - 12:03 PM )

      Sim Bruna… Como eu havia dito se eu peguei não faço ideia de como. Minha sorte que sou cuidadoso com minha saúde e faço exames anti hiv anualmente e agora deu isso. As únicas coisas que estão envolvidas no contexto da situação foi a dengue (doença viral) que segundo o site dst/aids do governo pode interferir nos exames e a vacina H1N1 que eu tomei alguns meses antes de fazer o exame… É angustiante essa espera. Na próxima segunda feira vou saber de fato oq está acontecendo. Bj

    Felipe interior sp ( 30/03/2017 - 3:02 PM )

    Boa tarde , td bem? Como anda o tratamento de vcs? Como vai à saúde em geral? Alguém aqui tem anos de vivência com o vírus pra falar sobre a saúde em geral durante esses anos? Obrigado

      ROBERTO BOSS ( 30/03/2017 - 3:52 PM )

      Olá Felipe
      Tudo bem?
      Hoje fez 26 dias em que estou me tratando. Mesmo assim ainda persiste alguns efeitos colaterais do 3×1 em que tomo todos os dias as 23hs. Como alguns sonhos malucos, algumas manchas na pele e um pequeno grau de depressão, com um pouco de diarreia. Muitos falam que esse remédio demoram até 2 meses para se adaptar ao corpo. Tento não ficar refém disso. E espero que esses efeitos diminuam cada dia mais com o passar do tempo.

        Felipe interior sp ( 30/03/2017 - 4:56 PM )

        Oi Roberto. Meu teste rápido deu reagente, embora não me lembre de ter me exposto acabei nessa situação. Fiz todos os exames seguintes cd4 e os tradicionais para confirmar de fato, mas os resultados vou saber só dia 17 /04 na consulta com a infectologista. No meu caso tem toda uma história nebulosa que pode ou não ter interferido no teste, tive dengue, me vacinei recentemente contra H1N1, tive gripe etc. Segundo a médica pode sim ter sido um falso positivo mas muito pouco provável. Minha angústia está em ficar esperando toda essa definição (40 dias). Confesso que se eu soubesse de fato o diagnóstico confirmado para hiv eu estaria mais calmo e pronto pra luta. Fica firme ae, ao contrário de toda essa coisa negativa associada ao vírus tenho conversado com pessoas que vivem a anos bem e de forma saudável, a maioria reagindo negativamente no começo, mas tudo tende a melhorar depois. Abraços

          Jose ( 30/03/2017 - 6:31 PM )

          Felipe e Roberto, torço por vocês e que superem as angústias do momento. Que Deus abençoe vocês e lhes melhore e conserve a saúde de vocês.

    Pablo Ruan ( 27/03/2017 - 1:38 PM )

    Olá Jeff,
    Fui diagnosticado a mais ou menos um mês e meio junto com meu parceiro.
    Meu exame de cd4 foi liberado a pouco e está com carga viral em 8.000 meu namorado está bem menos que eu e confesso que não resisti e perguntei ao medico se isso significava que eu estava com o vírus a muito tempo, ele repetiu por várias vezes que não, que isso depende muito do organismo. Vai de pessoa para pessoa. Não me senti culpado pq sei que sempre fui fiel e cuidadoso. Talvez essa informação de que dependendo da carga vital o vírus esteja a mais tempo no organismo esteja equivocada. Ou então o médico mentiu para evitar confusões comigo e meu parceiro. Mas de qq forma já não adianta querer descobrir de onde veio o jeito agora é tratar e seguir a vida! Um abraço a todos!

    ROBERTO BOSS ( 27/03/2017 - 12:13 PM )

    Bom dia pessoal. Venho aqui relatar o fim das minhas noias, principalmente depois de ter obtido o resultado dos exames de CD4 e Carga viral. Nos exames indicaram que tenho CD4 em 590 e Carga Viral em apenas 740. O meu parceiro estava bem mais complicado CD4 em 400 e carga viral em 8000. Tenho fé em Deus que em menos de um mês venho ficar indetectavel e vamos seguir a vida sem medo de que ela acabe do nada. Basta se cuidar. Fico feliz com o resultado e ficarei mais ainda quando “zerar” a carga viral. Sigam o tratamento a risca e tenha uma vida saudável. Pronto. Não vou morrer por conta disso e não vou parar minha vida tbm. A vida segue e talvez mais bela do que nós imaginamos. Um abraço a todos amigos soropositivos.

      marcelo ( 03/04/2017 - 11:18 AM )

      OI, Roberto!!! Sua situação com os seus resultados se encaixa com a minha e do meu parceiro também. Todavia, inverte as posições, meu CD 4 está mais baixo. Ainda não começamos o tratamento terapeutico, estamos no aguardo de exames complementares. Eu particularmente fico ansioso com tudo isso, frio na barriga, mas enfim, temos que enfrentar não é!!!. Antes, sem ler os comentários daqui, fiquei muito temerário com o ingresso desses medicamentos em nossas rotinas, mas agora vejo que é o bem necessário, por isso esperamos o ínicio o quanto antes. Um grande abraço.

    Felipe interior sp ( 21/03/2017 - 8:29 PM )

    Oi pessoal. Td bem com vcs? Depois do susto do teste rápido(06/03/17 1°vez q faço teste rápido, sempre fiz anualmente por sangue comum), me pediram uma bateria de exames, e os mais tradicionais tb para as confirmações de fato. Porém penso q meu caso é um pouco mais ansioso e complexo, realmente não me recordo de ter me exposto com alguém, me lembro de preliminares sem sexo de fato) tanto q fiz o exame sem grilos. Porém tive uma suposta dengue uns 20 dias antes de fazer o teste rápido (segundo meu médico foi dengue pelo fato característico das dores fortes nos olhos etc ele nem chegou a pedir exames por eu ter tido todos os sintomas), porém minha infectologista diz q são sintomas parecidos com a infecção aguda do hiv tb, no entanto as dores nos olhos tb deixou ela com dúvidas, e o tempo da suposta exposição (as preliminares) é muito curto referente ao sintomas, coisa de 13 dias, o site do ministério da saúde aponta doenças virais como um dos fatores para falsos positivos, oq minha infecto não negou mas preferiu levar com cautela, para piorar a situação tomei a poucos mêses a vacina da gripe q tb tem fortes relatos sobre falsos positivos para hiv. Minha infecto pediu pra eu aguardar os exames finais e não ter grandes expectativas sobre um falso positivo, pois são raros por serem bem específicos , mas acrescentou que existe sim minimamente tal possibilidade. Tô tentando trabalhar toda essa ansiedade nesse contexto nebuloso, pq a consulta com os resultados etc ficou marcado só para o dia 17/04
    . Até lá estou nessa, me conhecendo, avaliando coisas e pessoas, enfim passando minha vida a limpo e confesso q nem sempre tem sido dias ruins. Conto pra vcs o final dessa saga assim q terminar toda essa espera e independente do resultado me sinto parte dessa luta diária de viver e q sim é possível viver bem com hiv. Muita paz! Abraços…

      José ( 21/03/2017 - 8:34 PM )

      Felipe… torço para que você não tenha nada além de sintomas de gripe/dengue mesmo. Creio que é só isso. Abraço pra vc.

    Paulo ( 16/03/2017 - 10:22 PM )

    Já faz vai fazer um mês que iniciei o tratamento tomando 3 remédios ao dia. Nossa foi ai que minha ficha caio, com relação aos efeitos graça a Deus tive quase nenhum apenas muito calor ao dormi, sonhos estranhos e náuseas mais tudo isso bem leve no qual estou conseguindo relevar. Toda vez que o celular desperta me lembrando que tenho que tomar o remédio fico muito triste porém procuro pensa na vida na família e nos grandes sonhos que construir até hoje. As noias vem de vez em quando penso que vou morrer cedo , penso que vou ficar sozinho pra sempre, penso em tantas coisas loucas mas surgi ao mesmo tempo uma vontade de lutar seguir enfrente, ser forte ! É tudo muito recente pra mim estou nessa sozinho por enquanto, mais cada dia que passa quando eu acordo respiro fundo levanto vou ao trabalho, volto vejo minha família me sinto bem ah digo a mim mesmo a vida ainda não acabou!
    Desejo a todos muita fé, força e coragem pois ainda não é o fim. Abraço

      Jose ( 16/03/2017 - 10:53 PM )

      Que lindo depoimento , Paulo… que a tristeza va dando lugar a esperança e a alegria de viver. Que vc não se sinta sozinho pois tem família e pessoas que te amam. Vamos rezar para encontrarem uma cura logo. Já se tem avançado muito nas pesquisas. Quem sabe sejamos presenteados com essa descoberta. Olha, minha mãe toma muitos comprimidos todos os dias: para pressão, para controlar o açúcar, contra osteoporose, para dormir.. E isso pra poder viver. Se não tomar já era. Então encare o tomar os remédios como algo natural quando se está com algum tipo de doença crônica. Vamos viver que a vida é curta. E viver fazendo o bem. Abração.

      Sorocaba ( 19/03/2017 - 3:27 AM )

      Poxa Paulo estou igualzinho a vc. Descobi 27 dez 2016. As vezes bate uma depre e levanto e vou trabalhar volto vejo minha familia e fico feliz. Tb estou nessa sozinho. Não contei pra ninguém. Não quero fazer minha familia sofrer. Pensei que teria algum apoio do meu ex que tb eh positivo a 10 anos mas ele foge de mim. Poxa fui tao parceito com ele com relaçao ao hiv. Mas tivemos um acidente com a camisinha que envolveu sangue e daí ele mudou. Estou melhor fisicamente e hj entrei no terceiro mes de remedio. Acho que é assim no começo mesmo. Um dia estamos bem de pensamento e outros dias com pensamentos de tristeza. Mas percebo que cada dia que passa fico menos triste. E assim vai. Vamos com força e fé pois o remédio eh forte o bastante pra controlar a doença e seguirmos em frente.

      Thiago ( 26/04/2017 - 9:28 AM )

      Meu teste confirmou na segunda, nao contei pra minha familia

    Felipe interior sp ( 15/03/2017 - 2:24 PM )

    Boa tarde queridos. Hj completa 9 dias que fiz meu teste rápido e deu reagente. De lá pra cá já aconteceu muita coisa, já passei pelo médico e colhi sangue para fazer os exames confirmatórios, o resultado oficial sai daqui 30 dias quando passarei pelo médico novamente e saberei as coisas com mais clareza, sem expectativas para ser um falso positivo, embora a única exposição que tive foi por preliminares e uma exposição no trabalho (sou profissional da saúde) mas nem ando me torturando pra saber como de fato isso se deu, às vezes penso que não passou de um grande engano, mas não tô agarrado nessa expectativa, como meu médico disse: “aceite o resultado, se vier alguma surpresa dos exames confirmatórios ótimo, se não tu conteve suas expectativas”. A cada dia que passa consigo melhorar meu estado psicológico, isso melhorou muito por alguns fatores que tive sorte, apoio da minha mãe a única que sabe na família, apoio incrível do meu namorado o qual não é soropositivo e apoio de uma amiga que por ironia do destino coordena o serviço de saúde especial aids /hiv da minha cidade. Ela me tranquilizou muito, contou das suas experiências de anos com a situação, mostrou pra mim que não existe um grupo específico, disse que tem na minha cidade médicos soropositivo e atuando em cirurgias e tudo mais, professores universitários, empresários renomados até um “padre” , todos vivendo normalmente no auge de suas profissões e sonhos, todos se cuidando e valorizando ainda mais a vida. Penso que daqui para frente às coisas tendem a se acalmar, até pq preciso de estabilidade emocional para manter minha atenção na qualidade de vida e obter bons resultados no tratamento. Depois da definição do meu caso no dia que eu tiver em mãos os resultados oficiais comento com vocês. Mas uma coisa que estou voltando à acreditar é que a vida continua e que assim como meu médico disse posso planejar coisas e sonhos futuros porque vou viver normalmente como qq pessoa, claro que com um pouco mais de atenção e cuidado sobre minha saúde, mas isso a gente tira de letra. Faço estágios em uma clínica referência de câncer, acreditem tem pessoas que trocariam de posição conosco, não quero fazer comparativos de melhor ou pior, mas do quanto estamos disponíveis em lutar. Muita paz, fiquem bem.

      Jose ( 15/03/2017 - 5:15 PM )

      Fico feliz com tudo o que você relatou Felipe. Doença é doença não é? Qualquer um está a mercê de ser acometido, pelos mais diversos motivos. O que nos deixa felizes é que um milagre vem acontecendo: existe tratamento e ele vem melhorando com o passar dos anos. Espero que tudo dê certo para você e para todos que seguem tomando a medicação antirretroviral. Deus lhe abençoe.

    Marcos ( 15/03/2017 - 10:36 AM )

    Olá pessoal, tudo bem?
    Pessoal me ajudem, por favor, eu ando com uma “noia” que esta me deixando extremamente confuso, assustado e sem rumo. Estou apavorado! A mais ou menos uns 20 dias atrás eu mantive uma relação de risco (sem preservativo) com um amigo, de 3 dias pra cá ando com um mal estar (fraqueza), perda de apetite e uma perda de peso que esta me deixando muito preocupado, não tive febre e nem outros sintomas relacionados a infecção primaria. Eu sei q só poderei ter certeza pelo exame e que este deverá ser feito após 30 dias, mas, alguém poderia me dizer se com esses sintomas eu posso estar contaminado?

    Desde já agradeço!

      Jose ( 15/03/2017 - 10:43 AM )

      Marcos, isso deve ser nervosismo. Relaxe e viva a vida. Não se esqueça de sempre usar preservativo. Após 30 dias faça o teste para tirar qualquer dúvida. Entretanto um dos sintomas da infecção por hiv é a febre por volta de 38° acima. Isso vc nem teve graças a Deus. Se cuide.

        Marcos ( 15/03/2017 - 11:05 AM )

        Obrigado Jose, fico mais calmo com o seu comentário, o blog esta me ajudando muito, não tenho com quem mais partilhar as minhas aflições, porém essa perda de peso repentina esta me assustando muito, me deixando muito assustado.

          Jose ( 15/03/2017 - 11:14 AM )

          Perda de peso pode ter várias causas. Nesse caso específico não deve ter relação com esse último comportamento de risco porque faz muito pouco tempo. Diabetes causa perda de peso, uma virose que tira o apetite também causa perda de peso, etc. Quando seu apetite voltar e vc se alimentar melhor aí vc vai ganhar peso de novo. Tem pessoas que são fáceis de perder ou ganhar peso. Desencana disso tá? Procure não se estressar. Abraço. Tô por aqui qualquer coisa.

            Marcos ( 15/03/2017 - 12:26 PM )

            Obrigado Jose…muito mesmo!
            Grande abraço!

    Cieli ( 15/03/2017 - 10:05 AM )

    Oi gente …. eu descobri essa semana que sou HIV positivo, e bem inda estou em estado de “cair a ficha” e comecei como uma louca a procurar informações e depoimentos e me deparei com essa página que está me ajudando muito.

    Espero mais adiante poder ajudar outras pessoas também…. obrigada!!!

    Felipe interior sp ( 13/03/2017 - 9:21 PM )

    Oi pessoal, fiz dia 06/03/17 o teste rápido no CTA e deu reagente. Já fui encaminhado hj 13/03/17 para o serviço especial, passei pela médica e foram pedidos novos exames confirmatórios e vários outros tb. Vou fazer alguns amanhã e outros na quinta-feria. Porém vou passar na médica novamente só daqui 30 dias, ela percebeu minha ansiedade e pediu pra eu ter calma, pq de repente eu nem precise tomar remédio logo de início (fiquei sem entender). Ela acha q minha infecção foi recente, tive uma “suposta dengue a 30 dias atrás q para ela foi na vdd os sintomas” Há exatos 1 anos e meio eu fiz o exame tradicional por laboratório que deu não reagente. Alguém aqui não tomou medicamentos assim q foi diagnosticado?

      José ( 14/03/2017 - 5:58 PM )

      Oi, Felipe… Sucesso no seu tratamento. E o bom é que vc descobriu no início né? Olha, pelo que eu pude ler aqui no blog mesmo, no depoimento de outras pessoas, parece que é comum o médico decidir adiar o início do tratamento. A razão não sei lhe dizer. Pergunte isso a sua infectologista. Ela lhe explicará melhor do que ninguém. Tenha perseverança e siga corretamente a medicação. Cuide de sua alimentação e faça exercícios regularmente, como todo mundo. E você vai ficar nos “trinks”. Deus lhe abençoe.

    Raphael ( 13/03/2017 - 12:59 AM )

    Boa noite.

    Descobri que sou soropositivo 5 dias antes da noite de Natal. Meu mundo desabou, entrei em desespero.
    Estava me preparando para pedir minha namorada em noivado. Graças a Deus não passei para ela e mesmo com a notícia ela não me abandonou e vem me dando total apoio.
    Isso tudo fez com que eu descobrisse que um amigo meu tambm é soropositivo e ele, assim como o blog, foi essencial para que não surtasse.
    Como muitos citaram o SUS é muito demorado e só consegui minha primeira consulta em fevereiro. Por não querer expor isso nem para minha família e nem no meu trabalho estou fazendo todos os exames aos poucos, mas antes mesmo dos resultados saírem meu médico já iniciou o uso dos medicamentos. Estou tomando dois comprimidos. Segundo o médico são os indicados para quem está iniciando o tratamento. Hoje é o sexto dia que comecei a tomar e graças a Deus não tive absolutamente nenhum efeito colateral. A única coisa que senti foi uma fome mortal quando acordei após a primeira noite de medicamento.

      Jose ( 13/03/2017 - 8:15 AM )

      Rafael, sucesso no seu tratamento. que td de certo. Todos nós somos vulneráveis de ter alguma doença e essa é uma entre tantas que se pode ter. Se alimente bem e faça exercícios físicos que você vai ficar de boa. Abraço.

    Luara ( 10/03/2017 - 10:29 PM )

    Olá, descobri que tenho HIV há pouco mais de um mês e nem fui ao infecto ainda (demoras do SUS). Tenho visto muitos vídeos esclarecedores sobre o assunto e lido muita coisa também. Mas o que tem me matado é: há mais ou menos quanto tempo tenho o vírus. É possível ter uma noção? Ouvi falar que a carga viral pode me dar uma base, é verdade?
    Abraços. Adoro o blog, tem me feito muito bem! 🙂

      ROBERTO BOSS ( 10/03/2017 - 11:09 PM )

      Oi Luara essa é uma boa pergunta! Tbm gostaria de saber. O pessoal aqui do blog são de mais mesmo. Sempre com carinho e conforto sem ao menos nos conhecer. Sempre nos auxiliando e sanando dúvidas quando possível. Mas sua pergunta tbm esclarecerá muita coisa pra mim…

      Viver com HIV ( 11/03/2017 - 9:43 AM )

      Luara e Roberto,

      Tudo bem com vcs?

      Infelizmente não dá pra saber exatamente há quanto tempo tu contraiu o vírus, mas segundo os médicos, quanto mais alta for a tua carga viral no momento da tua descoberta, mais antiga ocorreu a infecção. Teoricamente, quanto mais tempo o vírus permaneceu no teu corpo, sem tratamento, mais tempo ele teria para se reproduzir. Por exemplo, se tua carga é muito alta, então, provavelmente, a tua infecção é mais antiga pois há muito vírus no teu corpo. Se essa quantidade for baixa, então assume-se que a infecção é recente, pois não deu tempo suficiente para o vírus se reproduzir e aumentar tua carga viral! Não sei se consegui explicar direito! Espero que sim! heheheh

      Um abraço

    ROBERTO BOSS ( 10/03/2017 - 10:20 AM )

    Hoje fez uma semana de 3×1 e muitas colicas abdominais, Falta de apetite, emagrecendo, não vou me entregar, meu exame de CD4 somente dia 23/07. Só tenho medo de estar com doenças oportunistas no aparelho gastroentestinal… me ajudem.

      Viver com HIV ( 10/03/2017 - 11:21 AM )

      Oi Roberto,

      Isso tudo que descreveu o remédio desperta e não necessariamente, é uma doença gastrointestinal. Fica calmo! Tu já conversou com o teu infectologista sobre esses sintomas? Se não, te aconselho a fazê-lo para que ele possa te deixar mais tranquilo!

      Um abraço

        ROBERTO BOSS ( 10/03/2017 - 12:53 PM )

        Pelo SUS é tudo muito demorado Jeff, não tenho como pagar particular, as vezes sinto que estou a beira do precipício!!! Tenho vontade de morrer pra acabar com esse sofrimento logo. Mas tenho um namorado que tbm está infectado e passando por tudo isso junto comigo. Vamos ver se conseguimos encostar no INSS. Do jeito que está não dá. Ele está empregado e eu estou apenas com mãos duas parcelas do seguro. Minha família nem sonha com isso pq seria o fim pra eles. E não quero e não posso abandonar meu namorado. Aí venho aqui chorar pq aqui posso falar livremente do assunto. Mas parece que a cada dia que passa piora nossa situação.

      Jose ( 10/03/2017 - 1:26 PM )

      Roberto, seu organismo deve estar se adaptando aos remédios. Seja perseverante. Esses sintomas vão passar. O pensamento que estamos sendo medicados e que vamos deter o avanço desse maldito virus em nosso corpo é animador. Como bem disse Jeff, converse com seu médico pois ele é quem vai lhe ajudar e tirar qualquer dúvida. Depois vc diz a gente como está indo. Abraço.

    Horus ( 09/03/2017 - 9:29 PM )

    Oi Bruno!

    Eu sei que na existe palavras que possam acalmar seu psicológico agora! Tem menos de um mês que eu também descobrir que sou soro positivo e a minha reação foi exatamente igual a sua. Só posso te dizer que tudo vai ficar bem. Tenta olhar e apenas focar nas coisas boas que tão acontecendo, tipo o apoio dos seus pais e do seu namorado. Tem tanta gente q por medo principalmente do preconceito não conta nada pra ninguém e convive sozinho preso c isso!
    Mas esse é o melhor local q vc poderia ter encontrado, leia os depoimentos, vc vai perceber que existe vida sim (e muita) após descobrir ser um soro positivo!
    Fica bem e desabafe aqui sempre q precisar pq ajuda muito!

      Bruno M. G. A ( 09/03/2017 - 10:17 PM )

      Olá, obrigado pelas palavras. Nessas horas uma palavra de conforto cai bem. Eu me acalmei um pouco, hoje fui ao médico, vou começar o tratamento da sífilis, são três injeções de penicilina benzatina, amanhã é a primeira injeção. Dia 28 tenho a primeira consulta para dar entrada nos papeis do HIV. Sabe, está tudo tão nublado, parece que o dia não flui, meu namorado veio pra capital para me acompanhar até o médico, meus pais queriam ir comigo também. Minha irmã acabou de chegar aqui pra me dar um abraço, carinho e disse que me ama e que tudo vai passar. Eu só tenho medo do meu namorado ter contraído o virus, ontem ele fez o exame de VDRL e HIV, ambos deu não reagente, fez um mês que tivemos nossa primeira relação sem preservativo, eu estou com medo por ele.
      Ele me disse que tudo vai ficar bem, que algumas coisas temos que por na balança e que ele colocou esse fato e o amor que ele sente por mim, e qual pesou mais? Claro que o amor dele(palavras dele).
      Mas tenho FÉ que tudo vai passar, e não adiantaria eu morrer, minha família ia sofrer. Mas eu vou ficar bem. E obrigado mais uma vez pelas palavras querido.

    Bruno M. G. A ( 09/03/2017 - 3:36 AM )

    Eu descobri ontem 08 de março, que estou com o vírus do HIV, e sífilis também. Meu mundo desabou naquele momento, eu saí chorando do laboratório, desnorteado, tive que sentar numa pracinha e chorar para depois sair no trânsito, desejei a morte sim, foi e está sendo um pesadelo, chorei e ainda estou chorando, eu não sei como vai ser daqui pra frente. Conversei com meus pais, eles me deram todo o apoio emocional, e disseram que tudo vai se resolver. Conversei com meu namorado, ele surtou quando soube, fez o teste de HIV e deu não reagente, mas agora está do meu lado e disse que vamos enfrentar isso juntos, me dando todo o apoio e conforto, eu só queria que isso fosse um pesadelo, e que ao acordar eu sentisse um alívio, mas não está sendo assim, eu estou em choque. Minha vontade é de tentar suicídio novamente, igual em 2014 (não estava doente lá) mas não vai resolver, minha família é que vai sofrer. Eu estou sem saída.

      Viver com HIV ( 09/03/2017 - 6:16 AM )

      Oi Bruno!

      Te mandei um e-mail. para conversarmos melhor ok? Mas aproveito para te dizer que tu não está sem saída, essa é uma nova fase na sua vida que tu vai aprender a superar. Fique calmo, tudo há de dar certo!

      Um abraço

      Rafael ( 02/04/2017 - 1:42 AM )

      Bruno, muita calma. Você pode reverter essa situação. Não é fácil, lógico! Contudo, hoje em dia, os medicamentos são muito modernos e praticamente não provocam efeitos colaterais. São capazes de reduzir a carga viral com bastante rapidez. O importante agora é que seja feito o acompanhamenro médico e seja iniciada a terapia antirretroviral. Você pode levar uma vida normal, como qualquer outra pessoa que não seja portadora do vírus. Basta se cuidar e aderir ao tratamento! Se precisar de alguma ajuda, estou à disposição. Se cuida!!! Abraços

    Reinaldo ( 07/03/2017 - 11:22 PM )

    Olá ,descobri no mês de janeiro sobre o vírus depois de ter uma infecção aguda , iniciei tratamento no final do mês passado já com o novo medicamento fornecido para os novos casos,como a carga ela varia muito na fase aguda de acordo com a infectologista ,ela estava em 3 milhões no momento do exame ,logo depois fiz o CD4 e ele deu 1360. Comecei o tratamento sem nenhum efeito colateral porém minha dúvida é sobre as doenças que podem afetar o corpo (gripe e tals ) nosso organismo vai combater eles da mesma forma de antigamente ? Ou será que terei que ter aquele famoso empurrão de medicamentos ?

      Viver com HIV ( 07/03/2017 - 11:25 PM )

      Oi Reinaldo,

      Como tu já está em tratamento, sim ele vai continuar combatendo como sempre combateu.
      Um abraço

      José ( 07/03/2017 - 11:27 PM )

      Força pra você, Reinado. E vai dar tudo certo. Siga o tratamento com perseverança. Abraço pra vc. Leias as matérias e depoimentos do blog. Tem tanta coisa bonita…

    José ( 06/03/2017 - 8:58 PM )

    Eu achei maravilhoso esse artigo. Eu, particularmente, sou super grilado com doenças. E basta ficar lendo algum texto sobre sintoma isso, sintoma aquilo que já ponho isso na minha cabeça e acabo mesmo sentindo essas coisas. Como disse Jeff, fico sofrendo por antecedência. E eu sei que isso é muito ruim. O stress afeta muito o nosso organismo, debilitando nossa imunidade. Nem sempre é fácil a gente direcionar a cabeça para outra coisa, mas é necessário. Domingo, agora, 005/03/2017, a TV Record transmitiu uma reportagem sobre o maracujá, sua propriedade calmante, antioxidante, e muito mais. Vou começar a tomar mais esse suco pra ir me acalmando e vivendo a vida, a cada dia. É como disse Jesus, no evangelho, “não se preocupem com o dia de amanhã, pois o dia de amanhã terá suas preocupações. Basta a cada dia a própria dificuldade.» Mt 6,34. Muito obrigado Jeff por nos lembrar isso. Vou tirar muita coisa da minha cabeça e viver cada momento. Vou entregar minhas preocupações pra Deus (1Pd 5,7) e aproveitar melhor a vida para amar mais e ajudar a quem precisa de nós. Sim, podemos fazer muitas coisas pelos outros: uma visita, participar de alguma ação de prevenção de DST junto aos jovens, animar alguém que está triste, etc. Às vezes uma doença é uma oportunidade de mudança em nossa vida (muitas vezes gastamos tempo com coisas que nem são tão importantes e então começamos a valorizar mais os momentos com as pessoas que gostam da gente, e a ter um coração mais misericordioso para com todos.) ou na vida de outra pessoa que possa vir a nos acompanhar.

      Viver com HIV ( 07/03/2017 - 12:44 AM )

      José,

      Muito obrigado, fico muito feliz que tu gostou da postagem! Mas é bem isso, não devemos nos preocupar com aquilo que a gente não pode controlar, se tiver que se preocupar com algo assim, temos que deixar para nos preocuparmos quando de fato acontecer, sofrer por antecipação, é muito dolorido e pesado! Tu não acha?

      Um abraço

    Marcos ( 06/03/2017 - 1:11 PM )

    Boa tarde gente, me descobrir a pouco tempo, ainda estou com a cabeça na lua sem acreditar, ainda estou esperando a receita para tomar os remédios.
    Minha noia é com as manchas que estou no braço, sempre fui vaidoso, então estou chateado e esperando o que vai acontecer, estou com muito medo.

      Viver com HIV ( 06/03/2017 - 1:45 PM )

      Oi Marcos,

      Te envei um e-mail para conversarmos melhor ok?

      Um abraço

      ROBERTO BOSS ( 06/03/2017 - 1:57 PM )

      Olá Marcos, primeiramente mantenha a calma e não associe tudo com o HIV se não nós realmente surtamos. Sei que é difícil principalmente depois do diagnóstico, mas se vc manter a calma e a cabeça firme com uma boa alimentação tudo vai dar certo. Procure o médico para ver o que pode ser. Lembrando que nem tudo é relacionado ao HIV. E se for, quando começar o tratamento tudo vai melhorar. Estou na luta como vc a pouco tempo. Amanhã farei meu primeiro exame de CD4 e Carga viral. Quanto menos ansioso vc for, melhor será. Aguente firme pois no fim tudo vai ficar bem.

      paulo ( 14/03/2017 - 11:27 PM )

      tenha calma meu amigo tudo vai dar certo, confie em Deus e tenha fe.

    Viver com HIV ( 05/03/2017 - 10:15 PM )

    Roberto,

    É muito normal, você achar que nunca mais vai fazer sexo tão cedo novamente, quase todo mundo que recém se descobre pensa assim, mas com o tempo essa ideia vai se acabando! E quanto à parar com o blog, não se preocupe! Não tenho nenhuma intenção de parar! Aliás, em abril tem novidades chegando! Fica ligado! 😉

    Um abraço

    ROBERTO BOSS ( 05/03/2017 - 9:58 PM )

    Perfeito seu post, eu sou uma pessoa cheias de noias, principalmente parecer ser magro “mais” do que já sou. Apesar da falta de apetite estou tentando me alimentar bem, apesar de ter perdido um pouco de peso. Hoje é o quarto dia de tratamento e não vou desistir apesar dos efeitos colaterais…

      Viver com HIV ( 05/03/2017 - 10:02 PM )

      Obrigado Roberto,

      Com o tempo tu vai ver que quando a gente aprende a se livrar das “noias” a vida e o tratamento ficam mais leves de administrar! 😉

      Um abraço

      José ( 06/03/2017 - 8:33 PM )

      Parabéns, Roberto. Siga em frente e que Deus te dê muita perseverança e otimismo pra vencer a cada dia. Depois dessas palavras do Jeff não há quem não se sinta mais forte e esboce um sorriso para a vida.

        Viver com HIV ( 07/03/2017 - 12:48 AM )

        Fico muito feliz José que tu gostou da postagem! 🙂

          ROBERTO BOSS ( 07/03/2017 - 2:11 PM )

          Oi Jeff, tentei falar com o meu infectologista hoje o dia todo e não consegui, por a caso sabe me responder se o cansaço mesmo sem fazer muito esforço físico é um dos sintomas colaterias do remédio 3×1 ou é apenas mais uma noia minha. Obrigado…

            Viver com HIV ( 07/03/2017 - 9:14 PM )

            Oi Roberto,

            O remédio pode provocar sim, tonturas, cansaço e boca seca.

            Um abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *